É um espaço sem temas definidos, será falado sobre qualquer coisa que mesmo por um segundo tenha causado interesse. Declaro, desde já, que o conteúdo deste site pode não corresponder à realidade e expressa apenas as minhas idéias a respeito do assunto, idéias estas publicadas aqui preservando e colocando em uso o meu direito de liberdade de expressão garantido pelos artigos 5o e 200o da Constituição Brasileira.

A Saga de um Bêbado

O bêbado, no ponto do ônibus, olha pra uma mulher e diz:

– Você é feia hein?

A mulher não diz nada. E o bêbado insiste:

– Nossa, mas você é feia demais!

A mulher finge que não ouve. E o bêbado torna a  dizer:

– Puta merda! Você é muito feia!

A mulher não se agüenta e diz:

– E você é um bêbado!

– É, mas amanhã eu melhoro… (xeque mate)

Então ele subiu no ônibus. Logo na roleta,  cambaleando, ao cobrador diz:

– Se meu pai fosse um gato e minha mãe uma gata,  eu seria um gatinho!

E continua:

– Se meu pai fosse um cachorro e minha mãe uma cachorra, ai eu era um

cachorrinho!

E mais:

– Se meu pai fosse um touro e minha mãe uma vaquinha, ai eu seria um

bezerrinho!

O cobrador, nervoso, pergunta:

– E se o seu pai fosse um viado e sua mãe uma puta?

– Ai eu era cobrador de ônibus! (huasuash)

Saindo da roleta, o bêbado grita:

– Hoje eu quero comer um cu!

Todos os passageiros olham assustados para ele, que diz:

– Calma gente, eu só quero um.

Já na parte de trás do ônibus, grita de novo.

– Do lado direito todo mundo é corno! Do lado esquerdo todo mundo é viado!

Ao ouvir isto,  levanta um negão do lado esquerdo e fala:

– Eu não sou viado !!!

E o bêbado responde:

– Então muda de lado que não gosto de confusão !!!

A partir desse momento os passageiros começaram a  xingar o bêbado e  ameaçando cobri-lo de porrada.

O  motorista, para evitar confusão, freia bruscamente  e todos caem.

Um dos passageiros se levanta, pega o bêbado pelo colarinho e pergunta:

– Fala de novo, safado. Quem é corno e quem é  viado?

– Agora eu não sei mais. Misturou tudo!

Ele então desce do ônibus, entra em uma igreja, o  padre, viu aquele  bêbado entrando e resolveu dar o  sermão:

– Irmãos, quem não for a favor da bebida que se  sente agora!

Todos se sentaram e o Bêbado gritou:

– Oh seu padre, Só nós dois heim!?

Expulso da igreja, entra logo num boteco e já  pede:

– Coloca aí dez pinga pra mim.

O dono obedeceu e colocou dez pingas para o bêbado, que bebeu todas.

– Coloca agora cinco pinga!

O dono colocou, o cara bebeu todas e disse:

– Agora coloca só três, viu?

Bebeu as três num gole só, fez aquela careta  típica de  pingaiada e pediu:

– ZZZZZZ só uma agora! ZZZZZZ só mais uma!

O bêbado bebeu aquela, deu uma cambaleada e  concluiu:

– Eu num to enZenZendo.. Quanto menossss eu bebo,  mais eu fico  tonto!

Antes de ir embora ele pede um maço de cigarros,  que traz escrito na  lateral: ‘O MINISTERIO DA SAUDE ADVERTE: Cigarro pode causar impotência  sexual’. Assustado, gritou pro garçom:

– NÃO. Esse aqui não!!! Me dá aquele que causa câncer.

Ao sair do boteco, todo embriagado, o bêbado andando na rua, toca o  interfone de uma casa e  pergunta:

– Seu marido taí?

Uma mulher responde:

– Está, quem quer falar com ele?

– Xá pra lá, brigado.

Chega em outra casa e toca o interfone novamente:

– Seu marido taí?

Outra mulher responde:

– Está no banho, quem quer falar..

– Brigaaaaaado, pooooode deixar.

Na outra casa…

– Bom dia, seu marido taí?

– Está… vou chamá-lo…

– Não, não é preciiiiiiso, responde o bêbado.

– Na outra casa:

– Oi, seu marido taí?

A mulher responde:

– Não, mas já deve estar chegando.

O bêbado responde:

– Então, faz favor, olha aqui pra fora e vê se sou  eu!!! (hehe)

Tempos depois consegue lembrar aonde é sua casa  com muito custo.

Abre a porta e vai correndo para  o banheiro.

Assustado, corre para o quarto e  acorda a mulher:

– Ô muié… Essa casa ta mal assombrada!

Eu abri a  porta do banheiro e a luz acendeu sozinha.

Depois,  fechei a porta e a luz apagou sozinha….

A mulher, puta da vida, grita:

– Filho da puta!!! Você mijou na geladeira de  novo!!!

Enxotado de casa pela mulher, que não tava a fim de dormir cheirando bafo de

pinga, vai a um beco,  acaba dormindo no chão e tem o relógio roubado. No

dia seguinte, já curado da manguaça, ao andar  pela rua, vê um cara usando o

seu relógio, e se  aproxima dele dizendo:

– Hei, cara, esse relógio é meu!

– Que seu que nada. Esse relógio eu peguei de um  bêbado que eu comi ontem  lá no beco.

– Tem razão, não é meu mesmo. Mas que  parece, parece!!! (aushuahs)

Anúncios

Uma resposta

  1. kkkkkkkkk… “- Tem razão, não é meu mesmo. Mas que parece, parece!!!”… ele saltou de banda na hora.. hehe

    11 de fevereiro de 2011 às 0:27

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s